Morfologia das formigas
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas
   As formigas
   As formigas quando nascem
   Colónias de formigas
   Formigueiros
   Morfologia das formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Morfologia das formigas
24

Morfologia das formigasO corpo das formigas têm três partes diferenciadas: a cabeça, o tórax e o gáster (parte do abdómen que está depois da cintura). A sua cintura pode ter um ou dois pequenos segmentos, segundo a espécie. A maioria das formigas que vemos é obreira, pois a fêmea fica no interior do ninho. Dependendo das espécies, as obreiras têm todas um tamanho semelhante ou existem variações do tamanho.

A formiga rainha que apenas se dedicará a reproduzir-se, tem menos neurónios do que as formigas obreiras. É difícil generalizar sobre esta animal tão variado, mas por regra geral, as formigas são de cores escuras ou cores terrestres. Existem de cor vermelha, preta, castanho claro, cor terra, etc.

Geralmente, os machos têm a cabeça pequena, um tórax grande e os olhos também grandes. Depois de aparelhar, o macho não tardará a morrer. As assas das rainhas, quando são fecundadas, desaparecem. Ainda assim, as podemos diferenciar do resto das formigas obreiras porque são maiores. A maior parte das espécies de formigas vivem no solo, apesar de haver as que habitam na madeira ou em cavidades que fazem nas plantas.

As formigas têm comportamentos sociais e podem comunicar entre elas. Graças às suas antenas, comunicam com os seus semelhantes, emitido odores que desencadeiam comportamentos que podem ser de ataque, fugida, etc.

Se uma formiga tornar-se prisioneira de um derrame de terra, pode prevenir as outras formigas mediante a estridulação. Esta consiste em produzir um som ao esfregar duas estruturas entre si. Isto produz pequenas vibrações no chão, o que avisa as outras do perigo e da situação da formiga indefesa.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   formigas, insectos
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso